História e Cultura Renault, a Arte e o Cinema

Renault e o Cinema

 

Em 1899, Louis Renault surge num filme ao volante do seu primeiro veículo criado um ano antes. É o ponto de partida de uma história de amor entre a Renault e o cinema, que dura há mais de 100 anos. A Renault está presente em numerosas longas-metragens, tais como Trafic, Rush Hour 3, Alvo em Movimento (James Bond) e os Filhos do Homem... a Renault é, há 29 anos, Parceiro Oficial do Festival de Cannes e acompanha as celebridades até à escadaria.
 

A Coleção de Arte Moderna da Renault

 

Com mais de 300 obras, esta coleção é fruto de uma iniciativa de mecenato inédita à data da sua criação. Nessa época, o objetivo não era adquirir obras acabadas e já existentes no mercado. A Renault desejava colocar em prática uma política de colaboração com artistas contemporâneos - por isso, pouco conhecidos - interessados no mundo industrial. Entre eles: Arman, Jean Dubuffet, Victor Vasarely, Jean Tinguely, Erro, Takis ou Henri Michaux.

 

> VER A COLEÇÃO DE ARTE EM WWW.RENAULT.COM